Friday, July 11, 2008

Por esta dor, imploro


Prendem, julgam, maldizem
Uma mulher à flor da idade
Privam-na da simples felicidade
De amar e ser amada de verdade

Remédio? Pra dor de amor?
O que mais poderão propor?
Tirar a dor, amançar
Este louco verbo que é amar?

Não, não roubem duma jovem
Por patéticos tabus e preconceitos
Seu direito de sofrer, de sentir
Masoquismo? Loucura? Abismo?

Seja o que for, veja a essência, chovem
Lágrimas por uma causa nobre e imune a conceitos
Não a castrem desse feliz sofrimento
Da descoberta de poder Amar e Viver


~

13 comments:

Daniel Augusto said...

Então se está nas minhas mão a decisão, está feito...

Amarás...

mas não diga que não avisei...


^^"


bye

Jhony said...

Amarr não é simples e exige muita compreensão.

Gosteeei do Poemaa!

http://jhonyfreitas.wordpress.com

Grilo Pensante said...

Amar nao´
nao ha como explicar
entregar sem nada receber
viver para oferecer

sei lah..


gostei do seu poema...
adoro poesias e afins
escrevo tb...
se quiser ver os meus

http://felipepensador.blogspot.com/


Cantos do Grilo ;)

Lucas said...

"Remédio? Pra dor de amor?
O que mais poderão propor?
Tirar a dor, amançar
Este louco verbo que é amar?"

Adorei. Muito bom.

Você escreve muito bem, sabia?

http://relationchic.wordpress.com/

Cisco said...

Muuuuito bom... gostei mesmo... nada a acrecentar, somente elogiar...

Parabéns

Abraços
Cisco
www.borarir.net

Miss X said...

que lindo poema

..é só o amor, é só o amor
que conhece o que é verdade
o amor é bom, não quer o mal,
não sente raiva ou se envaidesse

Selene Valdragon said...

mulheres são sempre julgadas
bom seria se tivessemos a liberdade sexual q tem os homens
mas sempre seremos mais forte, e por isso temidas. e o homem odeia o q teme.

linda poesia!

http://selenevaldragon.blogspot.com/

Fernando Gomes said...

muito bom.
mulheres mais velhas são vítimas de preconceito por ainda quererem procurar o amor... mulheres mais novas são reprimidas pois muitos não acreditam que elas tem a capacidade de sofrer... mais ou menos isso que entendi..

PCN said...

Belo poema...
Apesar de eu não acreditar nesse negócio de "dor de amor". Amar não causa dor, o que causa dor é obsessão.

http://papeisriscados.blogspot.com/

caio arroyo said...

A verdade é que muito se fala que acbou as diferencas e preconceitos contras as mulheres, mas eles ainda existem, so que ninguem tem coragem de falar

Igor Thiago said...

ausshu opa :)

aceito a parceria sim

já linkei seu blog

http://canal-69.blogspot.com/2008/07/mensagens-dos-visitantes_22.html#parcerias

da uma olhada lá

e linkei o DuvidoLogias também

=**

eudardo said...

legal o texto

CleciaOlivver said...

Nossa!... q poema...

Senti aquui dentro do S2...


mto bom teu blog.